domingo, 23 de julho de 2017

Ainda sobre o pré-lançamento do livro Brinquedorias

Veja algumas fotos, de Vanessa Anício, do dia 21 de julho na 69ª SBPC no campus da UFMG.
Foi uma manhã muito calorosa!





















O pessoal da comunicação da SBPC fez um belo registro dessa atividade. Confira aqui.

Fique atento, pois, em breve faremos o lançamento do livro!

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Programa Serelepe - Sonhos

Você já sonhou que era criança? Você é criança? Criança detetive? Se você for uma criança detetive à procura da receita que pode salvar o mundo, sabe do que estou falando? Não!? Então ouça, no próximo sábado, 22/07, o Programa Serelepe! A Lílian e a Clara vão revelar algumas receitas de sonhos, quero dizer, receitas e sonhos, ou era receita de sonhos? Vamos todos descobrir neste sábado, às 9h, na Rádio UFMG 104,5FM ou pelo link: https://www.ufmg.br/online/radio/


segunda-feira, 17 de julho de 2017

Pré-lançamento do livro CD DVD "Brinquedorias"

A 69ª Reunião da SBPC 2017está na UFMG. Ela acontece de 16 a 22 de julho no Campus Pampulha.

O Serelepe estará presente com o pré-lançamento do livro CD DVD "Brinquedorias".

Será dia 21, sexta-feira, às 10h no espaço Café Literário, construído em uma das tendas em frente ao prédio da Reitoria.

Haverá uma mostra do trabalho, uma breve conversa  e uma roda de brincadeiras.

O Brinquedorias teve o financiamento do PROEXT2016 do Governo Federal e apoio da PROEX, EBA, TU - UFMG, Galpão Cine Horto, Nossacoop e de muitas outras pessoas.

Apareça!

Vejam a programação dos lançamentos aqui.

Esta é a capa de nosso livro com a ilustração de André Barrios, uma amigo do grupo venezuelano El Taller de los Juglares e com projeto gráfico de Elisa Guimarães.



Em breve estrearemos o espetáculo cênico musical "Brinquedorias". Aguardem!!!

quarta-feira, 12 de julho de 2017

Programa Serelepe - Saci


Tem umas coisas muito estranhas acontecendo no Programa Serelepe... Por isso fiquem de ouvidos atentos! Neste sábado, o mistério vai ao ar! Opa, quero dizer, o programa! A Ana Clara e a Joana já começaram a investigar. Elas dizem que é coisa do Saci! Será? Descubram ouvindo o programa neste sábado, dia 15/07, às 9h, na Rádio UFMG - 104,5FM ou acesse o link abaixo! 
https://www.ufmg.br/online/radio/

 





quinta-feira, 6 de julho de 2017

Programa Serelepe - A Galinha Ruiva

O bicho está solto no Serelepe, e para não perder a aventura, ouça sábado, às 9h, na Rádio UFMG - 104,5 ou online https://www.ufmg.br/online/radio/

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Poema de Manoel de Barros e a brincadeira da Peneira

Manoel de Barros nos apresenta o poema "O menino que carregava água na peneira". 
E aproveitando a peneira do menino, vamos aprender a brincadeira da peneira, com o vídeo dos alunos do Curso de Iniciação Musical, do Projeto Guri /Polo Regional de São José dos Campos - SP, do  livro "Rodas e Brincadeiras Cantadas" da Cia Bola de Meia.

O menino que carregava água na peneira 
Tenho um livro sobre águas e meninos.
Gostei mais de um menino que carregava água na peneira.
A mãe disse que carregar água na peneira era o mesmo que roubar um vento
e sair correndo com ele para mostrar aos irmãos.
A mãe disse que era o mesmo que catar espinhos na água
O mesmo que criar peixes no bolso.
O menino era ligado em despropósitos.
Quis montar os alicerces de uma casa sobre orvalhos.
A mãe reparou que o menino gostava mais do vazio do que do cheio.
Falava que os vazios são maiores e até infinitos.
Com o tempo aquele menino que era cismado e esquisito
porque gostava de carregar água na peneira
Com o tempo descobriu que escrever seria o mesmo
que carregar água na peneira.
No escrever o menino viu que era capaz de ser
noviça, monge ou mendigo ao mesmo tempo.
O menino aprendeu a usar as palavras.
Viu que podia fazer peraltagens com as palavras.
E começou a fazer peraltagens.
Foi capaz de interromper o vôo de um pássaro botando ponto final na frase.
Foi capaz de modificar a tarde botando uma chuva nela.
O menino fazia prodígios.
Até fez uma pedra dar flor!
A mãe reparava o menino com ternura.
A mãe falou: Meu filho você vai ser poeta.
Você vai carregar água na peneira a vida toda.
Você vai encher os vazios com as suas peraltagens
e algumas pessoas vão te amar por seus despropósitos

– Manoel de Barros –

quarta-feira, 28 de junho de 2017

Programa Serelepe - Fomos abandonadas

Você já foi esquecido/a ou abandonado/a
 em algum lugar?
Neste sábado, vamos ver, digo ouvir, como a Clara, a Daniela e a Morgana vão fazer, pois elas foram abandonadas.

https://www.ufmg.br/online/radio/