O grupo


Foca Lisboa





Formado por Reginaldo Santos, Gabriel Murilo, Eugênio Tadeu e Cris Lima (em licença), o Serelepe EBA/UFMG se dedica à produção artística e à música para crianças desde 2005. Inicialmente, o grupo se reuniu em torno do programa de rádio Serelepe – Uma pitada de Música Infantil, na Rádio UFMG Educativa 104,5 FM. Mais tarde passou a se dedicar também a oficinas e intervenções musicais. O grupo Serelepe faz parte do projeto de pesquisa, ensino e extensão “Serelepe brinquedorias sonoras e cênicas", da Escola de Belas Artes da UFMG, com o apoio da PROEX/UFMG e da Rádio UFMG Educativa. Ele integra o Movimento Brasileiro da Canção Infantil e o Movimento da Canção Infantil Latino-americana e Caribenha (MOCILyC). Ao longo desses anos, o grupo se apresentou em cidades como Belo Horizonte, Contagem, Juiz de Fora, Pedro Leopoldo, Montes Claros, São Paulo, Ribeirão Preto, Piracicaba (Brasil); Valparaíso (Chile); Santa Fé  e Buenos Aires (Argentina); Montevidéu (Uruguai); Medellín, Bogotá, Melgar (Colômbia), tendo sido recebido sempre de forma acolhedora por crianças e adultos.

Desde 2010, o grupo ministra oficinas para crianças e educadores, tendo o brincar como fio condutor. Foi também neste ano que o grupo começou a idealizar o espetáculo-cênico musical Locotoco, inspirado em canções e brincadeiras tradicionais, recolhidas em diferentes regiões do Brasil e da América Latina. Em 2014, o espetáculo foi registrado em CD, também intitulado Locotoco. Em 2017 lançou o Livro CD DVD e espetáculo “Brinquedorias” em Belo Horizonte, Buenos Aires e Contagem.




Os integrante



Reginaldo Santos - Doutorando em Artes pela Escola de Belas Artes da Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG. Mestre em Educação pela Faculdade de Educação da UFMG (2014). Graduado em Licenciatura em Teatro pela Escola de Belas Artes da UFMG (2008). Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Teatro e Jogos Tradicionais. É músico, diretor, professor e ator. É Coordenador do projeto Sociocultural Conexão Galpão e do Programa de Ações Formativas em Teatro do Galpão Cine Horto. Cofundador do Grupo Serelepe EBA/UFMG e integrante do Movimento da Canção Infantil Latino-americana e Caribenha - MOCILyC. Já trabalhou como Professor de Teatro em instituições de ensino como Colégio Loyola (BH), Colégio Santo Agostinho (Nova Lima), Escola Municipal Doutor Júlio Soares (BH), Programa Valores de Minas do Governo do Estado de Minas Gerais.






Eugênio Tadeu - Doutor em Artes Cênicas - área Pedagogia do Teatro pela ECA/USP e Mestre em Educação pela FaE/UFMG. Professor no curso de Graduação em Teatro da Escola de Belas Artes da UFMG. Integra o Duo Rodapião, em parceria com Miguel Queiroz. Idealizou e coordenou o Pandalelê – Laboratório de Brincadeiras-CP/UFMG. É membro da Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-Graduação em Artes Cênicas - ABRACE e integrante do Comitê permanente do Movimento da Canção Infantil Latino-Americana e Caribenha,  com participação nos encontros do movimento desde 1996. Coordenou o 6º Encontro, realizado em Belo Horizonte, no ano de 2003. Estudou na Fundação de Educação Artística. É pós-doutorando na Universidade do Minho - Portugal.




Gabriel Murilo - Mestre em Música pela UFMG. Como integrante cofundador da Embaixada Cultural, coordena residências artísticas internacionais no Brasil e no exterior e dirige o encontro internacional "Música Mundo" em Belo Horizonte. Atuou no Programa Música Minas, fomentando a circulação internacional e regional da cena musical mineira. Foi um dos integrantes do grupo cuiabano Macaco Bong e circulou por todo país, promovendo um modelo autogestionado de carreira musical no Brasil. Cofundador e integrante do grupo cênico-musical Serelepe EBA-UFMG; Integra o duo de post-rock experimental Confeitaria, que tem circulado pelo Brasil e por outros países.
 










Cris Lima - Doutora em Comunicação Social e Bacharel em Radialismo pela UFMG. Foi professora de musicalização no Centro Pedagógico da Escola de Educação Básica e Profissional da UFMG. Estudou violão e canto na  Fundação de Educação Artística. Integrou por 7 anos o grupo Pandalelê – Laboratório de Brincadeiras.

2 comentários:

hortensia disse...

Olá, sou Abigail. Tive a oportunidade de conhecer o trabalho mais de perto, adorei. Muito obrigada! Muito sucesso.

Serelepe EBA-UFMG disse...

Olá Abigail, obrigado. Fique atenta, pois em 2017 lançaremos um novo trabalho, o Brinquedorias!!! Abraços.